quinta-feira, 12 de novembro de 2015

Esta é uma afirmação de fé por Josué no Antigo Testamento. Este versículo expressa o coração de um grande líder espiritual no final de sua vida. Nestas palavras simples encontramos a vontade de Deus expressamente afirmada. Devemos servir ao Senhor e fazer tudo ao nosso alcance para ver que a nossa família sigua o nosso exemplo. “Se, porém, não lhes agrada servir ao Senhor, escolham hoje a quem irão servir, se aos deuses que os seus antepassados serviram além do Eufrates, ou aos deuses dos amorreus, em cuja terra vocês estão vivendo. Mas, eu e a minha casa serviremos ao Senhor.” Josué 24:15 Quando os filhos de Israel entraram na Terra Prometida, eles estavam se preparando para viver em casas permanentes em vez de tendas que eram desmontadas cada poucos dias ou semanas. Seu líder, Josué, emitiu um forte desafio para as familias israelitas. Que Deus ou deuses eles irian servir? Serveriam os deuses do Egito onde foram escravizados? Serveriam os deuses adorados por diversos povos que encontraram em sua nova terra? Ou serveriam a Deus que os conduziu para fora da escravidão no Egito, e os guiou através dos anos de peregrinação no deserto e os trouxe a esta Terra Prometida? Eles tinham que fazer uma decisão, e sua decisão faria toda a diferença no mundo, não somente em suas vidas mas em toda sua história. Há muitas escolhas que podemos fazer, no entanto, a que é absolutamente vital é para servir ao Senhor. Podemos optar por ter os nossos falsos deuses (o amor ao dinheiro, roupas, jóias, esportes, TV, etc.) ou podemos escolher a caminhar com Deus. Precisamos estar cientes de que tudo o que nós amamos mais do que Deus é um deus falso. Assim como Josué, o apóstolo Paulo nos exorta: “ Não se amoldem ao padrão deste mundo, mas transformem-se pela renovação da sua mente, para que sejam capazes de experimentar e comprovar a boa, agradável e perfeita vontade de Deus.” – Romanos 12:2 Outra mensagem muito importante para se concentrar nesta passagem são as palavras “escolha hoje.” Nenhum indivíduo tem a garantida e a oportunidade de responder a Deus em algum momento futuro, porque a Bíblia proclama: “Hoje é o dia da salvação” (2 Coríntios 6:2). Josué ordenou ao povo a arrepender-se, colocando fora os deuses de seus antepassados e os deuses estrangeiros: “joguem fora os deuses estrangeiros que estão com vocês e voltem-se de coração para o Senhor, o Deus de Israel” (v. 23). Quando os israelitas manifestaram lealdade sem um fim definitivo às suas práticas, Josué deve ter os lembrado do que Moisés lhes tinha dito que não seriam capaz de servir a um santo, Deus zeloso, porque Deus não tolera rivais. “Não te prostrarás diante deles nem lhes prestarás culto, porque eu, o Senhor, o teu Deus, sou Deus zeloso” (Éxodo 20:5). A decisão para servir ao Senhor com base somente no entusiasmo não vai durar. A decisão de um cristão exige integridade: “Agora temam o Senhor e O sirvam com integridade e fidelidade. Joguem fora os deuses que os seus antepassados adoraram além do Eufrates e no Egito, e sirvam ao Senhor.” (Josué 24:14). A decisão de seguir a Deus significa uma decisão formada com um compromisso “de sinceridade e verdade.” Isso significa servir de todo coração, servir com integridade, ou sem culpa. Isto era a realidade para os israelitas como é a verdade para toda a humanidade. Josué tomou a decisão junto com sua família para servir ao Senhor. Será que você e sua casa servirão ao Senhor? Precisamos estar cientes de que nossas decisões têm conseqüências boas ou más, não só sobre nós, mas também sobre outras pessoas. A decisão egoísta afeta nossas famílias de forma negativa. Da mesma forma, a decisão de servir a Deus influencia positivamente nossas famílias. Assim como Josué mostrou o caminho à Deus, cada um de nós temos a mesma oportunidade. Peça a Deus para ajudá você a examinar seu coração, porque como crentes nascidos de novo a Bíblia nos diz que somos embaixadores de Cristo (2 Coríntios 5:20). Se estamos aposentados, trabalhando ou somos dona de casa, devemos estar ensinando o caminho à Deus e ajudar outros à chegar ao conhecimento salvífico de Jesus Cristo. Se você segue a Cristo, vai chegar um momento em que você deve dizer a alguns de seus conhecidos, “faça o que quiser, mas eu vou servir ao Senhor.” Esta é uma decisão pessoal, mas no final se chegar a este ponto, você deve optar por servir ao Senhor. Assim como Josué deu um bom exemplo para sua família seguir a Deus, cada homem cristão deve fazer uma declaração semelhante à família que o Senhor lhe deu. Embora Josué poderia dar o exemplo, ele não poderia fazer a escolha para eles, as pessoas tinham que escolher para si mesmas. A quem você servirá hoje? “Eu e a minha casa serviremos ao Senhor”. Josué 24:15


Voltando-se para Deus.

2 Crônicas 7-14 E se o meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar, e orar, e buscar a minha face e se converter dos seus maus caminhos, então eu ouvirei dos céus, e perdoarei os seus pecados, e sararei a sua terra.

E orou Ezequias perante o Senhor e disse: Ó Senhor Deus de Israel, que habitas entre os querubins, tu mesmo, só tu és Deus de todos os reinos da terra; tu fizeste os céus e a terra.
Inclina, Senhor, o teu ouvido, e ouve; abre, Senhor, os teus olhos, e olha; e ouve as palavras de Senaqueribe, que enviou a este, para afrontar o Deus vivo.
Verdade é, ó Senhor, que os reis da Assíria assolaram as nações e as suas terras.
E lançaram os seus deuses no fogo; porquanto não eram deuses, mas obra de mãos de homens, madeira e pedra; por isso os destruíram.
Agora, pois, ó Senhor nosso Deus, te suplico, livra-nos da sua mão; e assim saberão todos os reinos da terra que só tu és o Senhor Deus.
2 Reis 19:15-19

Apocalipse 16-21 E sobre os homens caiu do céu uma grande saraiva, pedras do peso de um talento; e os homens blasfemaram de Deus por causa da praga da saraiva; porque a sua praga era mui grande.

E vi outro anjo voar pelo meio do céu, e tinha o evangelho eterno, para o proclamar aos que habitam sobre a terra, e a toda a nação, e tribo, e língua, e povo,
Dizendo com grande voz: Temei a Deus, e dai-lhe glória; porque é vinda a hora do seu juízo. E adorai aquele que fez o céu, e a terra, e o mar, e as fontes das águas.
E outro anjo seguiu, dizendo: Caiu, caiu Babilônia, aquela grande cidade, que a todas as nações deu a beber do vinho da ira da sua fornicação.
E seguiu-os o terceiro anjo, dizendo com grande voz: Se alguém adorar a besta, e a sua imagem, e receber o sinal na sua testa, ou na sua mão,
Também este beberá do vinho da ira de Deus, que se deitou, não misturado, no cálice da sua ira; e será atormentado com fogo e enxofre diante dos santos anjos e diante do Cordeiro.
E a fumaça do seu tormento sobe para todo o sempre; e não têm repouso nem de dia nem de noite os que adoram a besta e a sua imagem, e aquele que receber o sinal do seu nome.
Aqui está a paciência dos santos; aqui estão os que guardam os mandamentos de Deus e a fé em Jesus.
E ouvi uma voz do céu, que me dizia: Escreve: Bem-aventurados os mortos que desde agora morrem no Senhor. Sim, diz o Espírito, para que descansem dos seus trabalhos, e as suas obras os seguem.
Apocalipse 14:6-13

Apocalipse 14-14 E olhei, e eis uma nuvem branca, e assentado sobre a nuvem um  semelhante ao Filho do homem, que tinha sobre a sua cabeça uma coroa de ouro, e na sua mão uma foice aguda.

Para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.
Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.
Porque Deus enviou o seu Filho ao mundo, não para que condenasse o mundo, mas para que o mundo fosse salvo por ele.
Quem crê nele não é condenado; mas quem não crê já está condenado, porquanto não crê no nome do unigênito Filho de Deus.
E a condenação é esta: Que a luz veio ao mundo, e os homens amaram mais as trevas do que a luz, porque as suas obras eram más.
João 3:15-19

Ó Senhor, segundo todas as tuas justiças, aparte-se a tua ira e o teu furor da tua cidade de Jerusalém, do teu santo monte; porque por causa dos nossos pecados, e por causa das iniqüidades de nossos pais, tornou-se Jerusalém e o teu povo um opróbrio para todos os que estão em redor de nós.
Agora, pois, ó Deus nosso, ouve a oração do teu servo, e as suas súplicas, e sobre o teu santuário assolado faze resplandecer o teu rosto, por amor do Senhor.
Inclina, ó Deus meu, os teus ouvidos, e ouve; abre os teus olhos, e olha para a nossa desolação, e para a cidade que é chamada pelo teu nome, porque não lançamos as nossas súplicas perante a tua face fiados em nossas justiças, mas em tuas muitas misericórdias.
Ó Senhor, ouve; ó Senhor, perdoa; ó Senhor, atende-nos e age sem tardar; por amor de ti mesmo, ó Deus meu; porque a tua cidade e o teu povo são chamados pelo teu nome.
Daniel 9:16-19

Meditação em Apocalipse 14-1 a 5

Obs. Apocalipse 2-10 a 11
Pensamento  cartas de Apocalipse as 7 Igrejas capitulo 2 e 3 do mesmo livro.

Certeza  Apocalipse 1-8 Eu sou o Alfa e o Ômega, o princípio e o fim, diz o Senhor, que é, e que era, e que há de vir, o Todo-Poderoso.

Não se venda! Se prepare para se encontrar com teu Deus!
Não endureça o teu coração para o SENHOR!
Entrega tua vida a ele, só assim será salvo!

Jesus está voltando!


Faça esse estudo!

Para compreendermos as 7 Pragas de Apocalipse 16, nós precisamos voltar ao passado e estudar o que aconteceu no Egito e o porquê dos juízos divinos.
As 10 Pragas do Egito (+/- 1500 AC)
No Egito o caráter de Faraó era semelhante ao caráter de Satanás no Céu: Satanás queria derrubar Deus do trono (Isaías 14:13). Faraó que servia a dezenas de deuses, se recusou pela ordem de Moisés a libertar Israel da escravidão e de forma petulante desfez publicamente do Deus verdadeiro perguntando a Moisés: “Quem é o Senhor para que lhe ouça a voz e deixe ir Israel?”
Faraó só acreditava em seus deuses, então Deus mandou 10 Pragas para destruir os 10 principais deuses do Egito, e mostrar a Faraó de que tais deuses não são nada perto da Majestade do Deus Vivo.
As Pragas eram um sinal de que faraó deveria se arrepender de sua rebelião contra Deus e deixar o povo de Israel ir embora do país, para que se cumprisse a promessa que Deus fez a Abraão. No entanto, praga após praga os egípcios não se arrependeram até que caíram sobre suas cabeças a pior de todas as pragas, a morte de seus primogênitos.
Vejamos Abaixo:
1- Águas tornam-se em sangue: deuses: Rio Nilo, Isís e Osires que são deuses da fertilidade que administravam o período da colheita.
2- Praga da Rã: deus Ator em forma de sapo que impedia as pragas.
3- Piolhos: deus Sede que zela pela produção e fertilidade da terra.
4- Moscas: deus Escarabiano parecido com um besouro, protegia o povo da epidemia das moscas.
5- Peste nos animais: deus Apis em forma de touro protetor das fortunas.
6- Úlceras nos homens e animais: deus Tiffon, o deus da saúde.
7- Chuva de Pedra: deusa Shor da Atmosfera.
8- Gafanhotos: deus Serpio, protetor das plantações.
9- Trevas por 3 dias: deus Raí, o deus sol.
10- Morte dos Primogênitos: deus faraó, o governador divino e protetor do povo do Egito.
Com estas pragas Jeová destruiu ou desmoralizou completamente todas as divindades do Egito e o orgulho nacional.
As 7 Pragas de Apocalipse 16 (Futuro Próximo)
Nas 10 Pragas Deus mostrou que Seu Governo, Sua Lei e Sua Verdade eram superiores aos deuses do Egito. Agora vamos as 7 Pragas. A primeira pergunta seria: Porque 7?
Porque no Apocalipse a afronta é em relação ao poder criativo e redentor de Deus que está relacionado ao sétimo dia da semana. Ezequiel (20:20) declara que o sábado é a marca de Deus sobre seus adoradores. João em Apocalipse 13:1-17 declara que haverá um desafio do Estado a esse mandamento de Deus. Aqui se relaciona ao SUNDAY- DIA DE ADORAÇÃO AO DEUS SOL. Vamos analisá-la uma a uma:
Primeira Praga
Apoc 16:1-2: E ouvi, vinda do santuário, uma grande voz, que dizia aos sete anjos: Ide e derramai sobre a terra as sete taças, da ira de Deus. Então foi o primeiro e derramou a sua taça sobre a terra; e apareceu uma chaga ruim e maligna nos homens que tinham o sinal da besta e que adoravam a sua imagem.
1- A Primeira Praga é semelhante ao deus Tiffon do Egito e cairá sobre os adoradores do Anticristo (De acordo com a Bíblia é a mulher infiel que está sentada sobre a cidade de 7 colinas = Roma). Veja Apocalipse 17:8 e II Tessalonicenses 2:3-8.
Segunda Praga
Apoc 16:3 O segundo anjo derramou a sua taça no mar, que se tornou em sangue como de um morto, e morreu todo ser vivente que estava no mar.
2- A Segunda Praga cai sobre o mar. Na Babilônia tínhamos a deusa Tia-Mat = deusa dos mares. Hoje nós temos Iemanjá e muitas outras “santas” dos mares. Deus as ferirás como fez com o Nilo no Egito.
Terceira Praga
Apoc 16:4-7: O terceiro anjo derramou a sua taça nos rios e nas fontes das águas, e se tornaram em sangue. E ouvi o anjo das águas dizer: Justo és tu, que és e que eras, o Santo; porque julgaste estas coisas; porque derramaram o sangue de santos e de profetas, e tu lhes tens dado sangue a beber; eles o merecem. E ouvi uma voz do altar, que dizia: Na verdade, ó Senhor Deus Todo-Poderoso, verdadeiros e justos são os teus juízos.
3- A Terceira Praga atinge os rios que se tornam sangue. As nações beberão sangue porque se virarão contra os santos do Senhor, que guardam os mandamentos de Deus e tem a fé em Jesus (Apoc 14:12). São acusadas de fazer o mesmo com que os impios fizeram com os profetas da antiguidade
Quarta Praga
Apoc 16:8-9: O quarto anjo derramou a sua taça sobre o sol, e foi-lhe permitido que abrasasse os homens com fogo. E os homens foram abrasados com grande calor; e blasfemaram o nome de Deus, que tem poder sobre estas pragas; e não se arrependeram para lhe darem glória.
4- A Quarta Praga atinge o sol que passa a queimar os seres humanos. Aqui é atingido os astrólogos e os que adoram ao deus falso no primeiro dia da semana (SUNDAY), pisando o quarto mandamento de sua eterna lei (Exodo 20:8-11, Lucas 23:56) e obedecendo mais as Igrejas rebeldes do que a Deus.
Igualmente todas as pessoas que não aceitaram a Cristo como Filho de Deus e Senhor de suas vidas serão atingidas.
Quinta Praga

Apoc 16:10-11: O quinto anjo derramou a sua taça sobre o trono da besta, e o seu reino se fez tenebroso; e os homens mordiam de dor as suas línguas.
E por causa das suas dores, e por causa das suas chagas, blasfemaram o Deus do céu; e não se arrependeram das suas obras.
5- A Quinta Praga atinge em trevas o trono da Besta (Vaticano). O Senhor do Sábado mostra que o deus que ela professava fé não passa de um ídolo que não exprime Seu verdadeiro caráter. Os homens ainda assim não se arrependem de seus roubos, assassinatos, adultério, idolatria e ataque ao 4° mandamento da Lei de Deus etc…
No entanto, na 5° Praga se torna claro que Deus julgou a Mulher Prostituta de Apocalipse 17 e a considerou culpada de crimes contra Ele e seu projeto de salvação da humanidade.
Sexta Praga
Apoc 16:12-16: O sexto anjo derramou a sua taça sobre o grande rio Eufrates; e a sua água secou-se, para que se preparasse o caminho dos reis que vêm do oriente. E da boca do dragão, e da boca da besta, e da boca do falso profeta, vi saírem três espíritos imundos, semelhantes a rãs. Pois são espíritos de demônios, que operam sinais; os quais vão ao encontro dos reis de todo o mundo, para os congregar para a batalha do grande dia do Deus Todo-Poderoso. (Eis que venho como ladrão. Bem-aventurado aquele que vigia, e guarda as suas vestes, para que não ande nu, e não se veja a sua nudez.) E eles os congregaram no lugar que em hebraico se chama Armagedom.
6- A explicação da sexta praga é complexa e envolveria dezenas de páginas a respeito. Vamos fazer um resumo:
Ao se verem perdidas por causa da queda das 5 pragas anteriores, as nações se unirão para fazer guerra contra os santos (que não receberam nenhuma praga). 3 Grandes religiões controladas por demônios irão aos reis de toda a Terra os convencer da necessidade da guerra.
1- A QUE SAÍ DA BOCA DO DRAGÃO = Espíritismo/ Paganismo.
2- A QUE SAÍ DA BOCA DA BESTA = Catolicismo medieval.
3- A QUE SAÍ DA BOCA DO FALSO PROFETA = O falso profeta é símbolo das igrejas protestantes caídas.
Durante esta época SATANÁS SE DISFARÇARÁ DE CRISTO e induzirá o povo a matar os santos.
O mundo estará em convulsão social pior do que a que houve na Crise de 1929 e na Segunda Guerra Mundial.
O sexto anjo derrama sua taça sobre o Eufrates e seca o rio. Esta é uma parábola do que já aconteceu uma vez no antigo testamento. O Eufrates já foi secado por Ciro, Rei dos Medos quando ele atacou Babilônia e a conquistou usando técnicas de desvio do rio. (Isaías 45:1, 47:1-15). No Apocalipse Jesus secará o Rio Eufrates (Apocalipse 16:12-16). Aguas em profecia simboliza povos, nações conforme Apoc 17:15. O Eufrates simboliza os povos que dão apoio as religiões apóstatas. Isso significa que elas perderão o apoio financeiro das nações.
A sexta Praga é um esforço desesperado para e manter no poder. como não se pode atacar a Deus com as armas, quem devemos atacar? Naturalmente aqueles que anunciaram as pragas e ainda por cima não a receberam! O povo de Deus!
Lembrando que antes de cair a primeira Praga o povo de Deus em todo o mundo anunciará a segunda vinda e os juízos de Deus e será ridicularizado. Depois com a marca da Besta são proibidos de comprar e vender (Apoc 13:11-17) e isso leva Deus a enviar as 7 Pragas. Por fim na sexta Praga as nações partem para aplicar o DECRETO DE MORTE CONTRA OS SANTOS (Apoc 13:15)
Quem os Salvará?

Sétima Praga
Apoc 16:17-21: O sétimo anjo derramou a sua taça no ar; e saiu uma grande voz do santuário, da parte do trono, dizendo: Está feito. E houve relâmpagos e vozes e trovões; houve também um grande terremoto, qual nunca houvera desde que há homens sobre a terra, terremoto tão forte quão grande; e a grande cidade fendeu-se em três partes, e as cidades das nações caíram; e Deus lembrou-se da grande Babilônia, para lhe dar o cálice do vinho do furor da sua ira. Todas ilhas fugiram, e os montes não mais se acharam. E sobre os homens caiu do céu uma grande saraivada, pedras quase do peso de um talento; e os homens blasfemaram de Deus por causa da praga da saraivada; porque a sua praga era mui grande.
7- Sétima Praga: A Arca da aliança com os 10 mandamentos aparece no céu mostrando a ira da justiça divina (Apocalipse 11:19). Cai uma Chuva de Pedras de gelo com cada pedra pesando cerca de 1 talento ou 35 kilos cada; ocorre um grande Terremoto e Jesus retorna Como Rei ferindo as Nações (Apocalipse 19:11-21) e destruindo a Terra (Isaias 24:1-23). Os santos mortos são ressuscitados e junto com os santos vivos são elevados ao céu. (I Tessalonicenses 4:13-18)
Na sétima Praga Jesus destrói a ofensiva das nações contra os santos com a Chuva de Pedras e o Grande terremoto.
Os Santos vivos não receberão as 7 pragas
Vc já ouviu falar do Salmo 91? Acredito que sim! É um dos salmos mais conhecidos da Bíblia. O que esqueceram de te contar é que ele é uma profecia sobre as 7 Pragas do Apocalipse. Em termos poéticos ele declara que os santos que aceitaram o sacrifício de Cristo em suas vidas não receberão as 7 Pragas, mas sairão ilesos da destruição que trará a segunda vinda.
Salmo 91
1 Aquele que habita no esconderijo do Altíssimo, à sombra do Todo-Poderoso descansará.
2 Direi do Senhor: Ele é o meu refúgio e a minha fortaleza, o meu Deus, em quem confio.
3 Porque ele te livra do laço do passarinho, e da peste perniciosa.
4 Ele te cobre com as suas penas, e debaixo das suas asas encontras refúgio; a sua verdade é escudo e broquel.
5 Não temerás os terrores da noite, nem a seta que voe de dia,
6 nem peste que anda na escuridão, nem mortandade que assole ao meio-dia.
7 Mil poderão cair ao teu lado, e dez mil à tua direita; mas tu não serás atingido.
8 Somente com os teus olhos contemplarás, e verás a recompensa dos ímpios.
9 Porquanto fizeste do Senhor o teu refúgio, e do Altíssimo a tua habitação,
10 nenhum mal te sucederá, nem praga alguma chegará à tua tenda.
11 Porque aos seus anjos dará ordem a teu respeito, para te guardarem em todos os teus caminhos.
12 Eles te susterão nas suas mãos, para que não tropeces em alguma pedra.
13 Pisarás o leão e a áspide; calcarás aos pés o filho do leão e a serpente.
14 Pois que tanto me amou, eu o livrarei; pô-lo-ei num alto retiro, porque ele conhece o meu nome.
15 Quando ele me invocar, eu lhe responderei; estarei com ele na angústia, livrá-lo-ei, e o honrarei.
16 Com longura de dias fartá-lo-ei, e lhe mostrarei a minha salvação.
No verso 3 é mencionada a primeira praga de apocalipse 16. No verso 5 é mencionada a quinta praga. Os versos 7 e 8 podem ser aplicados de maneira indireta a grande destruição ocasionada pela sétima praga. O verso 10 é claro que os cristãos não serão atingidos pelas pragas. Deus é fiel a seus santos.

Nenhum comentário:

Postagem em destaque

GLÓRIA A DEUS